html{display:none} SEL-487E Relé de proteção de transformadores | Schweitzer Engineering Laboratories

SEL-487E

Relé de proteção de transformadores

Proteja e monitore a maioria das aplicações de transformadores com o poderoso SEL-487E. Oferece até cinco entradas de restrição trifásicas, três elementos de proteção independentes de restrição de falha de aterramento (REF) e duas entradas de tensão trifásicas, todas com sincrofasores. O SEL-487E limita os danos causados no transformador respondendo às condições de falha interna em menos de 1,5 ciclos. O relé também ajuda a evitar a falha catastrófica do transformador, detectando falhas entre espiras, envolvendo apenas 2% do enrolamento total. É possível minimizar o tempo de início de operação e eliminar erros dispendiosos com o software incluído que recomenda as definições de compensação da matriz. O monitoramento térmico e de falhas de ponta a ponta, permite rastrear o desgaste do transformador e programar a manutenção conforme a necessidade. O monitoramento do desgaste do disjuntor reduz a manutenção ineficiente e dispendiosa do disjuntor, economizando tempo e dinheiro. A tecnologia opcional de link de domínio do tempo (TiDL) e os valores amostrados SEL (SV) que usam IEC 61850-9-2 transformam a maneira como sua subestação é modernizada.

Diagramas mímicos de relé série SEL-400

A partir de

USD 6.990

Tire suas dúvidas

*Este campo é obrigatório.


Configure o Relé de Proteção de Transformador SEL-487E para proteção diferencial de transformador em aplicações de transformadores que utilizem até cinco correntes de restrição. Isso inclui transformadores simples com enrolamentos terciários. Use três elementos REF independentes para proteger enrolamentos em estrela aterrada. Você pode inverter as polaridades CT ou PT individuais ou agrupadas para considerar a fiação de campo ou as alterações da zona de proteção.

Detecção de falhas suscetíveis entre espiras–Evite a falha catastrófica do transformador, detectando falhas entre espiras envolvendo apenas 2% do enrolamento total com o elemento diferencial patenteado de sequência negativa.

Proteção Diferencial Adaptativa de Alta Velocidade—Implemente uma inclinação (“slope”) de dois estágios que se adapta automaticamente às condições de faltas internas ou externas, mesmo com saturação do TC e formas de onda altamente distorcidas, para obter uma proteção diferencial rápida, sensível, confiável e segura. O elemento diferencial adaptativo responde às condições de faltas internas em menos de 1.5 ciclo.

Aplicações de transformadores diversas–Proteja grandes transformadores com conexões nos lados de alta e baixa com disjuntor e meio. Com uma aplicação típica de transformador de duas bobinas, é possível usar as entradas de corrente trifásicas restantes para proteção de backup do alimentador.

Proteção do Transformador Elevador do Gerador—Proteja os transformadores elevadores do gerador (GSU) e aplique os elementos térmicos incorporados (requer o Módulo SEL-2600 RTD) para monitorar e proteger as temperaturas do gerador e do enrolamento do transformador simultaneamente.

Monitoramento avançado de ativos–Acompanhe o desgaste do transformador com monitoramento térmico e de falhas de ponta a ponta. O monitoramento avançado do disjuntor ajuda a reduzir a manutenção ineficiente e dispendiosa do disjuntor. O SEL-487E pode monitorar os sistemas de energia CC da subestação para níveis de tensão fora de tolerância ou ondulação de tensão excessiva.

Unidade de Medição Fasorial (PMU) da Subestação—Melhore a qualidade do sistema de potência com sincrofasores (IEEE C37.118) da SEL em todos os 24 canais analógicos (6 fontes de tensão e 18 de corrente) do seu relé. Use sincrofasores via comunicações serial ou Ethernet para detectar facilmente fluxos em loop de reativo (“reactive loop flows”), transformar as estimações de estado em medições de estado, e antecipar alertas de possível instabilidade do sistema. Implemente o controle em tempo real com o recebimento de mensagens dos sincrofasores provenientes de duas PMUs (“Phasor Measurement Unit”), e efetue as ações necessárias com base nas mensagens locais e remotas.

Proteção de Retaguarda Confiável—Forneça proteção de retaguarda com cinco elementos de sobrecorrente de fase, sequência–negativa e sequência–zero e dez elementos de sobrecorrente temporizados configuráveis. O SEL-487E ajuda a identificar rapidamente a fase defeituosa com indicações de fase defeituosa para cada elemento de sobrecorrente. Ajuste a proteção contra falha de disjuntor com detecção de decaimento (“subsidence”) para detectar rapidamente falha do disjuntor e minimizar os tempos de coordenação do sistema.

Tecnologias de sistemas secundários digitais—As tecnologias TiDL e SEL SV substituem o cobre por fibra para aumentar a segurança, reduzir os custos associados ao uso do cobre, melhorar a confiabilidade e limitar o impacto de um pulso eletromagnético. Utilize o relé SEL-487E-5 TiDL com a unidade de junção SEL-TMU TiDL em campo para fornecer E/S remota e digitalizar sinais analógicos por fibra óptica. Esta solução ponto a ponto simples, com uma postura forte de segurança cibernética é fácil de implementar, sem necessidade de fonte de tempo externa ou engenharia de rede. Utilize o relé SV SEL-487E-5 para receber dados IEC 61850-9-2 SV de uma unidade de fusão remota através de uma rede. Os relés TiDL e SV incluem o software Grid Configurator da SEL, que simplifica o gerenciamento de definições.

Características

    1. 1

      A porta serial EIA‑232 é rápida e conveniente para a configuração do sistema e acesso local.

    2. 2

      LCD permite controlar e visualizar o status das seccionadoras e disjuntores.

    3. 3

      Teclado de fácil utilização simplifica a navegação.

    4. 4

      Os LEDs indicam alarmes personalizados e fornecem informações rápidas e simples para ajudar os mediadores e as equipes de linha a restaurar a energia rapidamente.

    5. 5

      Botões programáveis com etiquetas configuráveis pelo usuário permitem a personalização

    1
    2
    3
    4
    5
    1. 1

      Escolha entre hardware para montagem em painel ou rack hsegmento vertical (somente 5U) ou horizontal e diferentes opções de tamanho.

    2. 2

      Os protocolos de comunicação incluem FTP, Telnet, sincrofasores, DNP3 LAN/WAN, Parallel Redundancy Protocol (PRP), IEC 61850 Edition 2 (recurso opcional) e IEEE 1588 Precision Time Protocol Version 2 (PTPv2). Para implementação do PTPv2, as portas 5A e 5B devem ser solicitadas com essa opção.

    3. 3

      Use as três portas EIA-232 para comunicações Mirrored Bits, DNP3, SCADA e acesso de engenharia.

    4. 4

      Os 18 canais de corrente e 6 de tensão suportam a diferencial do transformador para até 5 terminais trifásicos, 3 elementos de falta à terra restrita (REF) independentes e elementos de tensão.

    5. 5

      Configuração de hardware Connectorized® ou um conector Euro com entradas de tensão analógica de baixa energia (LEA) proporcionam flexibilidade para diferentes sensores de tensão de linha ou transformadores de tensão ópticos.

    6. 6

      Escolha entre as opções de fonte de alimentação, tais como 24‑48 Vcc, 48‑125 Vcc ou 110‑120 Vca, ou 125‑250 Vcc ou 110‑240 Vca.

    1
    2
    3
    4
    5
    6
    1. 1

      O chassi 4U com opções de montagem horizontal (em painel ou em rack) acomoda as necessidades de aplicação dos usuários.

    2. 2

      Os LEDs indicam o status de conexão com uma merging unit SEL-TMU TiDL em cada porta.

    3. 3

      Oito portas de fibra óptica de 100 Mbps permitem que o relé TiDL se conecte a oito dispositivos SEL-TMU remotos e receba dados analógicos e digitais remotos.

    1
    2
    3
    1. 1

      O chassi 4U possui várias opções de montagem para acomodar as necessidades de hardware.

    2. 2

      Selecione Ethernet de fibra óptica, cabo ou mista com portas separadas para dados SV e acesso de engenharia.

    1
    2

Detalhes

Sincrofasores
Envie mensagens de sincrofasores IEEE C37.118 através de comunicações seriais ou Ethernet para detectar fluxos de loop reativos, transforme a estimativa de estado em medição de estado e fornecer um aviso antecipado da potencial instabilidade do sistema. Aplique funções de controle com base em ângulos de fase, correntes e tensões para aplicações básicas ou avançadas. Distribua dados de sincrofasores para simplificar a arquitetura do sistema e melhorar as operações do sistema. Para aplicações que exijam uma unidade de medição fasorial dedicada (PMU), escolha a Unidade de Medição Fasorial de Estação SEL-487E-4.

Proteção diferencial de corrente com duas a cinco restrições
Obtenha uma proteção diferencial rápida, sensível, confiável e segura. Uma rampa de dois estágios se adapta às condições de falha internas ou externas automaticamente, mesmo com saturação de TC e formas de onda fortemente distorcidas.

Proteção adicional
Aplique duas entradas de tensão trifásicas para sobretensão e subtensão, frequência, verificação de sincronismo e proteção de volts por hertz. É possível tornar qualquer elemento de sobrecorrente direcional usando elementos direcionais polarizados por tensão como entradas de controle de torque para os elementos de sobrecorrente. Os elementos de sobrecorrente temporizados adaptativos (IDMT) permitem implementar a proteção de backup do transformador e do alimentador. Três elementos REF independentes, permitem a detecção de falhas de aterramento suscetíveis em aplicações de transformadores em estrela aterrados.

Seguro e confiável
Segurança máxima durante as faltas externas e condições de inrush de magnetização do transformador. Detecção rápida de faltas internas, durante energização ou condições operacionais normais, utilizando elementos de bloqueio e de restrição de harmônico combinados. O SEL-487E pode detectar falhas entre espiras no enrolamento em apenas 2% do enrolamento total do transformador com o elemento diferencial de sequência negativa.

Monitoramento e gerenciamento de ativos
Monitore e proteja ativos críticos de subestações com os modelos térmicos IEEE C57.91 e IEC 60255-149 para transformadores imersos em óleo mineral. Use o elemento térmico IEC para disparar um disjuntor ou use os elementos térmicos IEC ou IEEE para ativar uma ação de controle ou emitir um alarme quando o transformador estiver em perigo de envelhecimento excessivo ou perda de vida útil. Os recursos avançados de monitoramento incluem falhas de ponta a ponta, no transformador, tensão da bateria da subestação e monitoramento abrangente do desgaste do disjuntor.

Medição e relatórios
Elimine os requisitos externos de registro e medição com relatórios de eventos oscilográficos, relatórios de Registrador de Eventos Sequenciais (SER) e medição de energia trifásica. Essas ferramentas simplificam a análise pós-falha e melhoram seu entendimento das operações do esquema de proteção.

Comunicações flexíveis
Uma opção de placa Ethernet fornece duas portas de cobre ou fibra para redundância de falha. Os protocolos de comunicação Ethernet disponíveis incluem FTP, Telnet, DNP3 LAN/WAN, SNTP, o Protocolo de Precisão de Tempo 2 IEEE 1588 (PTPv2), o IEC 61850 Edição 2, o Protocolo de Redundância Paralela (PRP) e sincrofasores IEEE C37.118.

Todas as quatro portas seriais EIA–232 independentes suportam SEL Fast Messages, SEL ASCII, Compressed ASCII, SEL Fast Operate, SEL Fast Meter, SEL Fast SER, comunicações SEL Mirrored Bits avançadas, DNP3 Level 2 Outstation mais discagem de saída, Virtual Terminal, e comunicações com o Módulos de RTD SEL–2600.

Controle e monitoramento de diagramas unifilares do painel frontal
Selecione sua própria configuração de baia do sistema e controle até 5 disjuntores e 20 chaves seccionadoras, usando os diagramas mímicos integrados que incluem grandezas analógicas programáveis para leitura.

Automação e controle
Implemente equações de controle SELogic com variáveis SELogic, temporizadores, biestáveis e elementos de controle remoto para personalizar esquemas avançados de proteção e controle. A lógica de controle pode substituir os interruptores de controle do painel, a fiação UTR para relé , os relés de selo e as luzes indicadoras tradicionais do painel.

Tecnologia de link de domínio do tempo
Utilize uma solução TiDL, na qual os dispositivos SEL-TMU são instalados no pátio próximo ao equipamento principal para digitalizar sinais discretos de E/S e dados analógicos e então transportá-los através de um cabo de fibra óptica para o relé TiDL SEL-487E-5 na central de controle. Cada SEL-TMU pode compartilhar dados com até quatro relés TiDL, proporcionando flexibilidade no projeto de proteção e reduzindo a quantidade de dispositivos. A tecnologia TiDL usa conexões ponto a ponto e um protocolo não Ethernet, fornecendo uma solução simples e segura. Como não precisa de uma fonte de tempo externa ou switches Ethernet, é fácil de implementar sem necessidade de engenharia de rede. A TiDL combina a proteção comprovada dos relés da série SEL-400 com a SEL-TMU construída especificamente para a função , reduzindo os requisitos de treinamento, simplificando a implantação e aumentando a eficácia. Ela também fornece sincronização de tempo integrada e amostragem síncrona, garantindo que a proteção esteja disponível no relé independentemente de estar ou não disponível um sinal de tempo externo.

Tecnologia SEL Sampled ValuesIImplemente uma solução SEL SV, onde a Merging Unit (”publisher”) digitaliza sinais analógicos dos equipamentos primários e, em seguida, transmite-os para um Relé SEL-487E-5 SV (”subscriber”) na casa de controle através de uma rede Ethernet baseada em fibra óptica. O sistema usa sincronização de tempo preciso via IRIG-B ou PTP. O relé SV SEL-487E-5 oferece a proteção tradicional disponível no SEL-487E-3/-4 e também pode receber dados SV de dispositivos como a unidade de junção de proteção, automação e controle SEL-401 ou a unidade de junção do sistema de proteção, automação e controle SEL-421-7. Como todos os dispositivos SV SEL são compatíveis com as normas IEC 61850-9-2 e UCA 61850-9-2LE, o relé SEL-487E-5 SV pode ser usado com as unidades compatíveis com SV de outros fabricantes .

Gerenciamento de definições simplificado
Os relés SEL-487E-5 TiDL e SV incluem o Grid Configurator da SEL, uma nova ferramenta de software de configuração que aumenta a eficiência e melhora as intuições de definições. Ele possui um editor no estilo de planilha, uma poderosa visualização de proteção, relatórios abrangentes, filtros personalizados e gerenciamento de configurações de vários dispositivos.

  • Soluções de sistemas secundários digitais.
    • Relé SEL-487E-5 com tecnologia TiDL.
    • Relé SEL-487E-5 (”subscriber”) com Sampled Values IEC 61850-9-2.
  • Unidade de Medição Fasorial (PMU) da Subestação
  • Terminal de parafuso ou por conector.
  • Conector Euro com interface de medição de tensão analógica de baixa energia (LEA).
  • Opções de fonte de alimentação 24/48 Vcc, 48/125 Vcc ou 120 Vca e 125/250 Vcc ou 120/240 Vca.
  • Configurações da placa de entrada CA do TC com uma opção de 1A, 5A ou combinação de entradas de 1A e 5A.
  • Comunicações IEC 61850 Edição 2 e protocolo PTPv2 (“Precision Time Protocol Version 2”) IEEE 1588.
  • Opções de conexão Ethernet para conexões primária e standby.
    • 10/100BASE-T
    • 100BASE-FX
  • Pacotes de hardware verticais (apenas com tamanho de chassi 5U) ou horizontais, em rack ou montados em painel.
  • Uma ou duas placas de I/O adicionais com saídas padrão, interrupção de alta corrente ou interrupção de alta corrente em alta velocidade.
  • Revestimento Conformal
    Proteja os equipamentos contra ambientes adversos e contaminantes atmosféricos, tais como sulfeto de hidrogênio, cloro, sal e umidade.

Versão mínima do QuickSet

Versões mais recentes do firmware

Não há versões de firmware disponíveis para este produto.

Produto Revisão ID do firmware Data de disponibilidade Número de série
SEL-487E R114 SEL-487E-R114-V0-Z006002-D20121126 04/12/12 1123390001
SEL-487E-2 R114 SEL-487E-2-R114-V0-Z006002-D20121126 04/12/12 1123390001
SEL-487E-3 R319-V0 SEL-487E-3-R319-V0-Z112103-D20210514 27/05/21 ~1211470001
SEL-487E-4 R319-V0 SEL-487E-4-R319-V0-Z112103-D20210514 27/05/21 ~1211470001
SEL-487E-5 R401-V0 SEL-487E-5-R401-V0-Z201201-D20210209 25/03/21 ~1210840001

Os IDs para versões mais antigas do firmware estão normalmente no Apêndice A do manual de instruções.

Versão mínima do QuickSet

Certificações do Produto